Inspiração

Fortaleza, o sol e a arte de Rian Fontenele

Por - 14/03/2016

O verão no Brasil está chegando ao fim. Mas o sol sempre brilha em algum lugar do planeta. E é nessa pegada solar que baseia-se a obra do pintor, gravador e desenhista cearense Rian Fontenele.

Ao falar de verão, o artista retrata a estação pelo contexto de sua cidade, a Fortaleza em que prevalecem sol e calor ao longo do ano – a estação não é compartimentada, com presença restrita a apenas três meses.

rian-fontenele-the-summer-hunter-conectearte-5

Em Fortaleza, se faz festa quando o céu se fecha brumoso. Durante quase todo o ano, há sol, o mar é morno e esverdeado e o céu, azul-cobalto sem nuvens. “Nada mais extravagante que o mais simples e desejado. A extravagância é ouvir em silêncio o murmúrio do mar, por horas, até a sensação enganosa de um lugar aprazível”, poetisa.

rian-fontenele-the-summer-hunter-conectearte-3

rian-fontenele-the-summer-hunter-conectearte-1

Rian tem sua lembrança de verão, que se confunde com o perfeito: vestir-se de espuma e sal, por todo o dia, e ficar no mar até o pôr do sol. Imprescindível para ele é fazer plateia para o instante fabuloso em que o sol se aproxima do oceano.

Verão perfeito? Todos. Sempre acompanhados de água de coco e um livro na mochila. E vale ressaltar: Rian Fontenele vive em um galpão antigo de Fortaleza, que serve de ateliê. Mais verão, impossível.

rian-fontenele-the-summer-hunter-conectearte-2

Rian está em cartaz num exposição coletiva no Museu de Arte Contemporânea do Ceará até o dia 17 de abril.

Conheça mais sobre o artista no www.conectearte.com.br

Populares