Guia da Semana

Guia pra curtir o Rio ao ar livre e sem gastar muito: 15 a 21/3

em parceria com

Por Rafael Andery -

A nossa definição de sofisticação foi atualizada. O sofisticado está nas coisas simples, na festa de rua, nas rodas de amigos, no olho no olho, no boteco do coração, em gastar o justo na hora de se divertir. É nisso que a gente acredita. E é nisso que a Aperol também acredita. Por isso nos juntamos a ela para trazer, todas as semanas, sempre às quintas, as melhores dicas de festas e eventos que prezam pela música boa, galera bacana e vibe democrática. Vem com a gente que a diversão está garantida.

FESTAS

Gandaia Nu Vizu
Foto: Foto Bagarai/Divulgação

Gandaia Nu Vizu

Dançar até o sol raiar é obrigação na Gandaia Nu Vizu. Até porque uma das principais atrações da festa é justamente ver o sol nascer a partir da vista privilegiada do alto do Vidigal. O evento é uma junção de duas festas que rolam por ali, a Gandaia e a Nu Vizu, e será realizado no Samakhom, um bar encarapitado na comunidade. O som é eclético, indo do hip-hop ao deep e passando por reggaeton e funk. Ainda existe a possibilidade de curtir tudo isso de graça, bastando confirmar a presença no Facebook, marcar três amigos no mural do evento, escrevendo #GandaiaNuVizu e compartilhar a festa no seu próprio perfil. Mas atenção, a entrada na faixa só é válida somente até às 23h.
Data: Sábado (17/03) | Hora: 22h | Preço: Grátis ou R$ 20 | Endereço: Samakhom. Av. Presidente João Goulart, 861, Vidigal


Peña Cultural Auá
Foto: Divulgação

Peña Cultural Auá

O selo Cantores del Mundo, fundado pela música chilena Tita Parra, neta da lendária Violeta Parra, organiza a trigésima edição da Peña Cultural Auá. Uma “peña” é uma espécie de sarau e é muito comum em países latino-americanos. A oportunidade para conferir o que rola numa “peña” se apresenta nesta sexta, quando o carioca Arthus Fochi interpretará canções do chileno Victor Jara e a dupla Bellas e Flor mostra suas composições autorais. O clima é de uma reunião com amigos em casa e o evento, gratuito, rola num sobrado numa rua de Laranjeiras que mais parece uma cidade cenográfica.
Data: Sexta (16/03) | Hora: 19h | Preço: Grátis | Endereço: R. Umari, 10, Laranjeiras


Rebola

O coletivo de arte, design e música Rebola leva a festa homônima para a quadra do bloco Fala Meu Louro, um dos mais antigos da cidade, localizado no bairro Santo Cristo. O destaque da pista fica com o DJ e produtor Galo Preto e seu afoxé eletrônico rebolativo. A festa custa entre R$ 20 e R$ 30, mas se você marcar seu nome no mural do evento a entrada fica de graça até à meia-noite. É importante lembrar que ingressos na hora somente em dinheiro vivo, mas é possível usar cartões no bar.
Data: Sexta (16/03) | Hora: 23h | Preço: R$ 20 a R$ 30 (grátis com nome no mural) | Endereço: Quadra do Fala Meu Louro. R. Waldemar Dutra, 19, Santo Cristo


ESPECIAL

bananobike
Foto: Bárbara Lopes/Divulgação

Bananobike – O Som que Sai do Seu Pedal

O Bananobike é uma espécie de Triciclo Elétrico. Uma pequena usina capaz de sustentar até cinco horas de funcionamento das instalações de som e luz acopladas ao veículo. Idealizada pela banda carioca Biltre, é capaz de você já ter cruzado com essa maluquice em algum bloco de Carnaval, como o Viemos do Egyto ou o Caetano Virado. Neste sábado, ele vai desfilar pelas ruas ao som do DJ Eduardo Castelo. A ideia é se concentrar na Praça São Salvador e pedalar ao som do soundsystem até o pátio do Centro Cultural Oi Futuro, onde haverá shows da própria Biltre e da Letrux.
Data: Sábado (17/03) | Hora: 15h30 | Preço: Grátis | Endereço: A saída ocorre na Praça São Salvador


#DáPraFazer 2018

A segunda edição do festival #DáPraFazer traz para o Centro um pouco da cultura de rua, tanto na moda como na música. Com um line-up que procura destacar movimentos, coletivos e produtores urbanos de diferentes localidades do país, contando, por exemplo, com uma curadoria de jam sessions da produtora independente Balaclava Records e atrações de rap selecionadas pela gravadora Laboratório Fantasma. Terno Rei, Raça, Emicia, ÀTTØØXXÁ, Mamba Negra, Heavy Baile e Áurea Semiseria (foto) são alguns dos convidados.
Data: Sábado (17/03) | Hora: 12h | Preço: Grátis | Endereço: Largo Alexandre Herculano, Centro


Feijoada do Cacique de Ramos
Foto: Divulgação

Feijoada do Cacique de Ramos

A tradicional feijoada do Cacique de Ramos acontece todo terceiro domingo de cada mês. Na quadra com jeitão de quintal, que é um dos mais antigos da cidade (foi fundado em 1961), não há camarotes e nem passistas exibindo fantasias exuberantes. Mas há muito samba e partido alto. A entrada é gratuita e o prato de feijuca sai por R$ 25. Se você faz questão de um lugar para sentar é bom chegar cedo, mas também é possível reservar uma mesa com até quatro lugares por R$ 20.
Data: Domingo (18/03) | Hora: 13h | Preço: Grátis | Endereço: G.R.Cacique de Ramos. R. Uranos, 1326, Vigário Geral


Gloriosa – a Roda de Samba do Paulão 7 Cordas

Todo terceiro domingo do mês, a Feira da Glória recebe a roda de samba do músico e produtor Paulão Sete Cordas, diretor musical e arranjador de disco de gente como Argemiro da Portela, Cristina Buarque e Wilson Moreira. Atualmente, ele trabalha como diretor musical de Zeca Pagodinho. O evento conta com a participação do grupo de samba da mesa da diretoria dos Arteiros da Glória, um tradicional bloco do Carnaval que costuma apresentar canções clássicas de artistas como Candeia, Paulinho da Viola e Nelson Cavaquinho. Em março, o repertório homenageará as mulheres do samba. Se a fome bater, a feira também oferece opções clássicas do local, como os caldos do Beline Souza e os acarajés da Sonia Baiana Menezes.
Data: Domingo (18/03) | Hora: 15h | Preço: Grátis | Endereço: Feira da Glória. Av. Augusto Severo, Glória


mathieu-boogaerts
Foto: Divulgação

Mathieu Boogaerts no Teatro Maison de France

Localizado dentro do consulado francês, o Teatro Maison de France proporciona frequentemente apresentações internacionais fora do comum e gratuitas. É o caso do show programado para a segunda. O francês Mathieu Boogaerts (foto) apresenta seu som minimalista com influências africanas e de reggae. É um som para relaxar, sempre acompanhado por uma bateria leve e delicada. Ideal para começar a semana de boa. O evento faz parte do Mês da Francofonia, então fique atento para mais oportunidades como essa no local. Mas atenção, para garantir o seu lugar é bom fazer a reserva através do e-mail mailto:cultural@rioaliancafrancesa.com.br cultural@rioaliancafrancesa.com.br.
Data: Segunda (19/03) | Hora: 20h | Preço: Grátis | Endereço: Teatro Maison de France. Av. Presidente Antônio Carlos, 58, Centro

Foto de abertura: ÀTTØØXXÁ, por Rafael Ramos