diversão & arte

Guia pra curtir o Rio ao ar livre e sem gastar muito: 22 a 28/3

em parceria com

Por Rafael Andery -

A nossa definição de sofisticação foi atualizada. O sofisticado está nas coisas simples, na festa de rua, nas rodas de amigos, no olho no olho, no boteco do coração, em gastar o justo na hora de se divertir. É nisso que a gente acredita. E é nisso que a Aperol também acredita. Por isso nos juntamos a ela para trazer, todas as semanas, sempre às quintas, as melhores dicas de festas e eventos que prezam pela música boa, galera bacana e vibe democrática. Vem com a gente que a diversão está garantida.

COMER & BEBER

Titú
Fotos: Divulgação

Clima de praia no asfalto

Entre contêineres, lonas e cadeiras de nylon, Titú abre em Botafogo

Como todos bons amigos de colégio, Bruno Menezes e Pedro Henrique sempre quiseram ter um bar juntos. “A ideia, obviamente, morreu quando cada um foi para o seu lado”, conta Bruno. Ele virou consultor tributário, Pedro foi estudar medicina.

Isso até o mês passado, quando, na sexta-feira de Carnaval, a dupla inaugurou o antigo sonho de adolescência, o Titú. “O Pedro toca mais o bar, eu apareço para encher o saco”, brinca Bruno. Localizado no bairro de Botafogo, o lugar é praticamente um corredor ocupado por cadeiras de praia e coberto por lonas e dois contêineres, um para atendimento dos clientes e outro onde funciona a cozinha. “Era o único terreno em Botafogo estreito o suficiente para não ter sido transformado em um estacionamento”, diz Bruno.

Titú

“Ia muito a São Paulo a trabalho e frequentava o Pitico”, conta Bruno, referindo-se ao badalado bar que transformou a pequena Rua Guaicuí, no Baixo Pinheiros. “Era um esquema bem legal, que não existia no Rio de Janeiro, esse negócio de cadeira de praia, mais outdoor. Montamos a ideia do restaurante pensando nisso”. O ambiente do Titú, contudo, é ainda mais despojado.

A cozinha, inspirada em pratos “urbanos do mar”, tem como carro-chefe o hambúrguer de polvo (R$ 28), iguaria que Bruno provou durante uma viagem à Croácia, além de pratos como o poke de atum, refeição havaiana composta por cubos de peixe ao shoyu com arroz e frutas (R$ 28).

Para beber, a galera divide-se entre as cervejas tradicionais, a Tá com Bala, pilsen feita na casa, e drinques como o Mosca Humilde, versão local do Moscow Mule e, claro, Aperol Spritz.

Sonho recém-realizado o Titú começa agora a construir suas próprias tradições. A primeira delas é o som ao vivo que rola por lá todas as quartas – como o bar é muito recente, foram apenas três desde a sua inauguração. Na próxima quarta (28), por exemplo, rola apresentação do Digga Digga Duo, uma dupla de ukelele e contrabaixo que toca canções animadas das décadas de 1920 e 1930, em ritmos como o folk, o foxtrot e o jazz.
Endereço: R. Dezenove de Fevereiro, 42, Botafogo | Hora: 18h às 23h (ter.); 18h à 0h (qua.); 12h à 0h (qui. e sex.); 12h às 0h30 (sáb.); e 13h às 21h (dom.) | Site: facebook.com/titurio


ESPECIAL

Coletivo Carandaí
Foto: Divulgação

Coletivo Carandaí 25

O Coletivo Carandaí 25 é um coletivo de moda nascido no Jardim Botânico em 2013. De lá para cá, ele vem se notabilizando por eventos muito bacanas que reúnem centenas de pequenos produtores de moda, gastronomia e design, além de atrações culturais e música ao vivo. Neste findi rola a primeira edição do coletivo neste ano ano, ocupando os 2 mil metros quadrados do jardim da Casa Rosa da Gávea. Entre os convidados especiais, a Feira na Rosembaum trará 50 expositores de São Paulo, como a U!Dress e a UMZEROOITO.
Data: Quinta (22/03), Sexta (23/03), Sábado (24/03) e Domingo (25/03) | Hora: 13h | Preço: Grátis | Endereço: Casa Rosa da Gávea, R. Marquês de São Vicente, 268, Gávea


Terreirada Cearense
Foto:André Rola/Divulgação

Confraternização do bloco da Terreirada Cearense

Quem já pulou Carnaval com o Terreirada Cearense sabe que ele é um dos blocos mais legais, coloridos e divertidos do Rio. Comandado pelo cantor cearense Geraldo Júnior, celebra a cultura popular da região do Cariri (CE), com roupas que remetem à Folia de Reis, tocando muito forró e clássicos da MPB. Pois neste sábado (24), em pleno aniversário de nascimento de Padre Cícero (1844-1934), o Terreirada promove uma confraternização especial. Atenção: não é um show, mas uma roda livre do bloco nos jardins do MAM-RJ. Quem quiser tocar junto é só levar um instrumento; quem quiser dançar nem isso precisa. É só chegar.
Data: Sábado (24/03) | Hora: 13h | Preço: Grátis | Endereço: Jardins do MAM, Av. Infante Dom Henrique, 85, Flamengo


SHOWS

Smonkey
Foto: Divulgação

Jazz do Smonkey

Misto de coffee shop, tabacaria, loja de roupas e bar no coração da Lapa, os três ambientes do Smonkey possuem uma agenda de eventos concorrida. Quase todo dia rola alguma coisa, seja um show, seja um debate, seja uma exposição seja a exibição de um documentário. Nesta quinta (22), o espaço recebe o Jazz do Smonkey, comandado pelo power trio de bateria, bandolim e baixo composto por Guga Pellicciotti, Henry Lentino e Marcos Mendes.
Data: Quinta (22/03) | Hora: 22h | Preço: Grátis | Endereço: Smonkey, Av. Mem de Sá, 99, Lapa


Zé Katimba
Foto: Divulgação

Vamos Levantar a Bandeira da Fé: Zé Katimba e Sindicato do Samba

O Centro Cultural Solar Wilson Moreira é uma espécie de Disney dos admiradores da velha-guarda do samba carioca. Por ali se encontram em rodas intimistas bambas como o próprio Wilson, Cristina Buarque e Nelson Sargento, normalmente em eventos gratuitos e despojados. A proposta da casa é preservar a história desse samba de raiz. E é justamente isso que ela faz neste domingo, quando receberá para uma roda o bamba paraibano Zé Katimba, de 85 anos, fundador da Imperatriz Leopoldinense e autor de sucessos como “Bandeira da Fé” e “Do Jeito que o Rei Mandou”. E o melhor, na faixa!
Data: Domingo (25/03) | Hora: 14h | Preço: Grátis | Endereço: Centro Cultural Solar Wilson Moreira, R. Barão de Ubá, 46, Praça da Bandeira


Miraculoso SambaJazz
Foto: Divulgaçào

El Miraculoso SambaJazz

Todo último domingo do mês (e esporadicamente em alguns outros dias), o entardecer na Praia Vermelha é acompanhado pelo som fino do El Miraculoso Samba Jazz, um quarteto de jazz composto por trompete (Henrique Vaz), contrabaixo (Marco Luz), bateria (Gabriel Barbosa) e guitarra (Jefferson Moreira). Se você nunca teve a oportunidade de comparecer, não perca. O rolê tem uma vibe incrível, misturando natureza e cultura na medida certa. Só se lembre de não deixar lixo pela praia.
Data: Domingo (25/03) | Hora: 16h | Preço: Grátis | Endereço: Praia Vermelha, Urca


FESTAS

hera fest

Foto: Divulgação

Hera Fest

Depois do estrondoso sucesso da sua estreia, em janeiro, a segunda edição do Hera Fest, que rola neste domingo (25), planeja mais de 10 horas de música na Eco Casa Silvestre, um cenário pitoresco no Cosme Velho. Com vista para o Cristo Redentor e cercado por uma ampla área verde, a festa rola até de madrugada, mas vale a pena chegar cedo para aproveitar o espaço e não correr o risco de ficar de fora. A entrada é gratuita, mas a casa está sujeita à lotação, por isso vale fazer a inscrição na página do evento. O som fica por conta das bandas Beach Combers, Os Camelos e Trombetas Cósmicas do Jardim Elétrico, além dos DJs Rodrigo Cavalcanti, Marcello MBgroove e Andrei Yurievitch.
Data: Sábado (24/03) | Hora: 16h | Preço: Grátis | Endereço: Eco Casa Silvestre, R. Almirante Alexandrino, 5025, Cosme Velho


L_CIO
Foto: L_CIO/Divulgação

Me Gusta Labs apresenta L_CIO

O bloco da tradicional festa Me Gusta fez tanto sucesso neste ano que só agora os organizadores conseguiram organizar seu próximo evento. Como não poderia deixar, a Me Gusta Labs preza por uma boa curadoria musical e sets tocados ao vivo. A principal atração da noite desta sexta (23) é o paulistano L_CIO (lê-se Laércio, e não Lúcio, pasme), que é representado internacionalmente pelo prestigiado selo alemão Kompakt. Além dele, Pedro Piu, Erica, Beranger, Ju Ribeiro e Mateus tuK também comandarão os pick-ups durante a noite.
Data: Sexta (23/03) | Hora: 23h | Preço: R$ 20 a R$ 50 | Endereço: Fosfobox Bar Club, R. Siqueira Campos, 143, Copacabana


Favela Bass
Foto: Bléia Campos/I Hate Flash

Favela Bass

Hip-hop, rap, funk, trap, soul, dancehall e Miami bass vão agitar a primeira edição do ano do Favela Bass, uma festa que, nos últimos dois anos, caiu no gosto do público carioca, mas que andava meio sumida nos últimos meses. “Um período de férias”, segundo os organizadores. Tá certo, eles merecem. Dessa vez, o evento vai acontecer na Antonieta, um casarão de dois andares no coração da Lapa, e contará com a discotecagem dos DJs Byano, Tamy, Padula e Careca, além dos hambúrgueres artesanais do Gangsta Burger. Atenção, porque, embora cartões sejam aceitos no bar, a entrada é só em cash.
Data: Sábado (24/03) | Hora: 23h | Preço: R$ 10 a R$ 35 | Endereço: Antonieta, Av. Mem de Sá, 104, Centro