lifestyle

A sereia da vida real que luta pela proteção dos oceanos

Por Mariana Caldas -

Melissa Dawn tem 33 anos e consegue segurar a respiração embaixo d’água por 5 minutos tranquilamente. Ela também tem um guarda-roupa cheio de caudas brilhantes e gosta de ser chamada de sereia.

2

A Sereia Melissa já tem mais de 480 mil seguidores no Facebook e 100 mil assinantes no seu canal do Youtube, onde compartilha os seus vídeos nadando em águas cristalinas dos Estados Unidos.

O motivo é simples: alguém precisa proteger o mar, enquanto a humanidade só consegue poluir.

A americana trabalha com instituições de caridade e se tornou um ícone da sensibilização para problemas como o declínio da vida dos recifes de coral e os danos que estamos causando em nossos mares.

O papo é sério! “Tornei-me uma sereia por ser um ser humano com uma conexão muito forte com o mar. Eu queria ser a voz dos que não tem voz, falar pelos mamíferos marinhos. Sendo uma sereia da vida real eu posso levantar a atenção para a proteção dos nossos mares através do entretenimento”, contou Melissa em entrevista Dazed and Confused.

miadestaque

Para ela, a sobrepesca e o tipos de métodos que utilizamos para pescar, como as redes que se arrastam no fundo do oceano, são as ameaças mais destrutivas. “Isso causa uma acidificação no oceano, que está matando os nossos corais, que por sua vez, matam os peixes que vivem neles. É um efeito dominó, que afeta a todos nós”, explica.

Atualmente, Melissa tem 16 caudas diferentes e relembra que já chegou a ter 25 tipos. “Eu coleciono caudas de sereia como uma mulher coleciona sapatos, joias ou roupas”.

Quando perguntada sobre o que podemos fazer para ajudar a proteger a vida dos oceanos, ela é direta: “todos nós temos parte de culpa. Encontre programas de conservação marinha que você possa se envolver e compartilhe a causa, sempre. São pequenos esforços que fazem grandes mudanças para o melhor.”

Saiba mais sobre o trabalho de conscientização da sereia Melissa aqui.

downloadmermaid-melissa-ocean-sunset