viagem

Cinco experiências na Chapada dos Veadeiros que vão além das cachoeiras

Por Bruna Tiussu -

Até parece que a Chapada dos Veadeiros tem uma cachoeira para cada tipo de viajante. Com água em abundância e uma natureza única, o destino, a 250 quilômetros de Brasília, caiu no gosto de gente de estilos muito diferentes. Os aventureiros se jogam em trilhas longas, para alcançar quedas tão monumentais quanto a do Segredo e a dos Couros. Aqueles que preferem desfrutar de um banho gelado sem ter de colocar muito esforço, têm à disposição cachoeiras de fácil acesso, das Loquinhas à São Bento. E os que buscam um momento de meditação acabam elegendo as que dão de brinde uma vista panorâmica da região, caso das Almécegas I e II.

Mas é fato que, independentemente do estilo, todo mundo que lá chega quer conhecer o lugar para além de suas águas cristalinas. A vegetação única, sua aura mística e a rotina local, dividida entre a cidade de Alto Paraíso de Goiás e o vilarejo de São Jorge, também chamam a atenção do visitante. Aqui, listamos cinco atrativos que farão você se conectar ainda mais com Veadeiros.

Voo de balão na Chapada dos Veadeiros
Foto: Divulgação

Voo de balão

Taí uma experiência para se ter uma noção melhor da abrangência e da exuberância de Veadeiros. O ponto de partida do tour, organizado pela Balonismo na Chapada, varia de acordo com o vento no dia, mas ele sempre sobrevoa alguma área cheia de verde, montanhas e rios. A vegetação do cerrado fica ainda mais linda lá do alto, assim como lugares ícones do destino, como o Morro da Baleia. Também a depender da condição climática, você pode ter a chance de ver a paisagem mudar de cor durante o nascer ou o pôr do sol. Ao final, o passeio é coroado com um brinde de champanhe.
balonismonachapada.com.br


Espaço Além — Marina Abramovic e o Brasil
Marina Abramovic | Foto: Reprodução

Jardim de Maytrea

Não foi por acaso que Marina Abramovic se encantou com este jardim natural, a ponto de fazer a foto acima — ela compôs o acervo de várias exposições da artista — e usar o local em cenas do filme Espaço Além — Marina Abramovic e o Brasil. Meio místico, meio mágico e incrivelmente belo, ele mais parece uma pintura em homenagem ao cerrado. Da rodovia que liga Alto Paraíso a São Jorge, há uma plaquinha indicando o melhor lugar para parar o carro. Dali, basta seguir um pequeno trajeto até ter a melhor vista da fileira de buritis à frente da cadeia de montanhas. Se der sorte, araras estarão por ali compondo a trilha sonora.


Yoga no Pândovas
Foto: Instagram/@paraisodospandavas

Paraíso dos Pândavas

Bem em frente ao Morro da Baleia fica o chamado yoga resort da Chapada, um lugar para ir em busca da sintonia perfeita entre homem e natureza. “Nós temos um pouco de cada característica deste bioma maravilhoso: cristais, matas ciliares, morros, rios e cachoeiras”, destaca Paresha, terapeuta e professor de cursos de yoga. Retiros com foco na yoga, aliás, são o grande destaque do espaço, que ainda trabalha com meditação e outras técnicas para alcançar o bem-estar.
pandavas.org.br


Chuveirinhos/Paepalanthus Galactic
Foto: Marcio Cabral

Chuveirinhos

De março a julho, quando florescem, os chuveirinhos — planta da família das sempre-vivas — dão um charme extra à Chapada. São tipicamente do Cerrado, mas isso não significa que seja só olhar para o lado para dar de cara com vários deles. Você vai precisar da ajuda de um morador local ou de um guia para aprender o caminho até um dos campos em que a planta toma conta nesse período do ano. Vale a pena tentar encontrá-los especialmente perto do pôr do sol, para contemplar e registrar um dos cenários mais inesquecíveis de Veadeiros.


Tapiocaria Alto Paraíso
Foto: Violeta Ferreira

Tapiocaria

O dia pode começar com uma trilha, um banho de cachoeira ou uma meditação. Mas ele deve sempre acabar com uma parada nessa lanchonete instalada na Praça do Skate — portanto, no burburinho de Alto Paraíso. Generosas e super saborosas, as tapiocas são praticamente uma refeição e tem recheios tão diversos quanto pequi com frango e rapadura com queijo. Outro destaque, que faz o cliente voltar na tarde do dia seguinte, é o açaí, cuja receita guardada a sete chaves confere sabor e textura deliciosos. Peça com granola e a fruta que preferir.

Foto de abertura: Yoga no Paraíso dos Pândavas | Crédito: Divulgação