GOL + The Summer Hunter

Vai pra Buenos Aires? Confira os melhores horários pra curtir a capital portenha

Por Fernanda Nascimento -

Não é em ritmo de tango que se move Buenos Aires. A capital portenha é uma cidade fervilhante, que há mais de uma década se mantém um oásis cool, indiferente aos altos e baixos da sua economia. Mas desbravar a boemia de Palermo, a cultura local que efervesce em San Telmo ou as parrillas da Boca é uma viagem indispensável a qualquer brasileiro – e para ser repetida sem parcimônia. Caminhar sem rumo é uma delícia, mas há tanto para ver, comer e fazer que decidimos, junto com a GOL Linhas Aéreas, preparar um guia certeiro com sete programas imperdíveis – e, claro, a hora certa para cada um deles. Deixe para perder tempo escolhendo seu doce de leite preferido.

09h30
Bike tour pela cidade

É impossível visitar a capital portenha sem conhecer as casas coloridas que estampam os cartões-postais. O Caminito é o destino do tour de bicicleta Buenos Aires Diferente, que explora os pontos turísticos pelo caminho em um passeio de quatro horas. Pela manhã, o grupo se reúne na Plaza San Martín e segue para o bairro de Puerto Madero, que passou por um processo de revitalização nos últimos anos. A Praça de Maio, onde fica a Casa Rosada, e o estádio do Boca Juniors, La Bombonera, são algumas das paradas do tour.
biketours.com.ar


12h
Almoço na Pulpería Quilapán

O restaurante que ocupa um imóvel de 1714 no bairro de San Telmo é um mergulho na história da cidade. Um grupo de arqueólogos se dedicou a escavar o passado da propriedade, que já foi uma mansão, um cortiço e a sede da Fundação San Telmo. Objetos dos séculos passados estão espalhados por toda a Pulpería, que oferece uma visita guiada pela casa nos sábados, ao meio-dia. Depois do tour, é hora de escolher uma mesa no pátio para provar as receitas de guisado, como o del cazador, preparado com carnes de javali e porco.
Calle Defensa 1344, San Telmo
pulperiaquilapan.com


16h
Tango na Feira de San Telmo

A feira mais tradicional da cidade faz jus à fama. Todos os domingos, as ruas do bairro de San Telmo são tomadas por barraquinhas vendendo de antiguidades a pôsteres de futebol. À tarde, os artistas de rua chegam com seus instrumentos para se apresentar no meio da rua. Na Plaza Dorrego, os compassos do bandoneón ditam o ritmo dos casais que exibem passos de tango. Tire o dia todo para passear pelo bairro, um dos mais charmosos de Buenos Aires. Se encontrar uma fila de turistas ao dobrar a esquina, não se assuste: a estátua da Mafalda está logo ali.


17h30
Visita ao Parque de La Memoria

Inaugurado dez anos atrás em homenagem às mais de 30 mil vítimas da ditadura na Argentina, este museu a céu aberto que não costuma figurar nos roteiros de viagem pela cidade. Mas deveria. Obras gigantes de artistas locais e internacionais se estendem pelo parque nas margens do rio da Prata, como a sequência de 53 placas de trânsito do Grupo de Arte Callejero. Não há qualquer indicação na entrada sobre a visita guiada que acontece neste horário todos os sábados, domingos e feriados, mas basta perguntar na recepção para ser conduzido por um educador pela história da Argentina.
Avenida Costanera Norte Rafael Obligado, 6745
parquedelamemoria.org.ar


18h30
Fim da tarde na Recoleta

Conhecido como um dos bairros mais luxuosos de Buenos Aires, a Recoleta é um lugar para ser explorado sem pressa. Depois de passar a tarde andando pelas ruas com mansões imponentes, comer os churros de doce de leite em um dos charmosos cafés e conhecer a feirinha que é montada na Plaza Francia aos finais de semana, é hora de conhecer a Floralis Generica. A escultura metálica em forma de flor foi construída em 2002 para abrir e fechar com o nascer e cair do sol, mas é uma questão de sorte encontrá-la funcionando. Independente disso, o gramado em torno da obra, cheios de espreguiçadeira de madeira, é um ótimo lugar para curtir o entardecer.


20h
Drinks na Florería Atlántico

Quem passa desatento pode não notar uma pequena floricultura na Calle Arroyo, no bairro do Retiro. Os escritos Florería Atlántico na vitrine indicam que ali, no subsolo, está o speakeasy do argentino Tato Giovannoni e da brasileira Aline Vargas. Desenhos de monstros marinhos e infiltrações nas paredes simulam o interior de um navio, convidando os clientes a embarcar em uma viagem por sabores e receitas de diferentes lugares do mundo. No cardápio, os drinks criados por Tato são divididos pelo país de origem. Chegue cedo para conseguir uma mesa ou uma das disputadas cadeiras no balcão.
Calle Arroyo 872, Retiro
floreriaatlantico.com.ar


23h
Noite no Niceto Club

Localizada em uma esquina no badalado bairro de Palermo, a casa tem duas entradas. Uma das portas dá acesso ao Lado B, a parte mais alternativa do Niceto Club. Na pequena pista de dança, a noite começa com um show e segue com DJs agitando a noite. Na rua adjacente fica a entrada para o Lado A, com espaço para mil pessoas e um palco que recebe as festas que duram até de manhã. Nas quintas-feiras é a vez da tradicional noite Club69, uma mistura de cabaré com música eletrônica.
Avenida Coronel Niceto Vega 5510, Palermo
nicetoclub.com