viagem

Onde é verão agora: 24 horas em Miami

Por Paula Sacchetta -

Não é exatamente verão em Miami, mas mesmo agora, no inverno, a temperatura da cidade não costuma ficar abaixo dos 20 graus e pode chegar aos 30. Onde faz calor o ano todo, nada melhor do que se hospedar de frente pro mar. O W South Beach, que é nosso parceiro desde que começamos, continua sendo a melhor pedida em South Beach. Tem quartos amplos e luxuosos, que variam entre 50 e 268 metros quadrados, em um ambiente ao mesmo tempo cool e descontraído.

Mas Miami não é só South Beach. É muito mais, e se espalha por várias regiões – entre novas descobertas, antigos locais que passaram por um retrofit e endereços poucos prováveis que você não vai se arrepender de dar um pulo. De Brickell, em downtown, que apesar do hype não tem absolutamente nada demais, a Miami Shores, ao norte, tem muita coisa a ser descoberta: Little Haiti, Little River, Buena Vista, Mimo District... Ah, claro, e Wynwood, o novo destino predileto de 10 entre 10 turistas. Mas um aviso: fique longe dali nos fins de semana, quando as ruas e calçadas são tomadas por hordas de turistas sem escrúpulos, motos barulhentas e carros com os piores reggaetons de todas as Américas.

miami south beach art deco collins ave

8h

Rolê de bike e art déco

"Good morning", diz o tapete dentro do elevador. Eles são trocados três vezes ao longo do dia, dependendo do horário que o relógio marca. Para começar, pegue uma das bikes que o hotel oferece, é de graça para os hóspedes, para dar uma pedalada entre a orla e a Collins Ave e a Ocean Drive. Ali estão vários dos prédios mais icônicos em art déco, famosos em Miami por suas cores pastéis e linhas retas, e que foram construídos na cidade entre os anos 1920 e 1940. Não deixe de passar em frente ao hotel Delano, um dos marcos clássicos do estilo.
Art Deco District Welcome Center
1001, Ocean Drive
mdpl.org


miami-brunch-blue-collar

10h30

Brunch "light"

Deu fome? O pequeno Blue Collar, localizado no Mimo District, serve "pessoas que gostam de comer", como eles mesmos dizem. Com um cardápio incrível, os ovos benedict podem ser os tradicionais, com bacon ou presunto cru, podem ser de camarão ou ainda de aspargos na grelha e alcachofra, para os vegetarianos. Todos os dias, uma lousa em cima do balcão da cozinha aberta anuncia os vegetais – frescos – do dia.
6730 Biscayne Boulevard
bluecollarmiami.com


miami-wynwood-grafite

12h

Grafite, cerveja e compras

Para passear, Wynwood é uma galeria de arte a céu aberto. O bairro antes decadente e abandonado, foi transformado nos últimos anos. As paredes dos antigos galpões industriais, hoje restaurantes, cafés, sorveterias e lojas, foram tomadas pelo grafite. Se der sede, existem algumas cervejarias artesanais, a novidade do bairro. Escolha entre a Concrete Beach Brewery ou a Wynwood Brewing Company, a primeira maior e a segunda, mais intimista. Se a ideia é fazer compras, a Base conta com uma fina seleção de marcas masculinas que vão desde a portuguesa La Paz à nova iorquina Saturdays. Roupas para mulher? A Pitusa promete peças confortáveis, de alta qualidade e preço acessível para usar tanto para sair da praia quanto nas ruas. De inspiração peruana e indiana, tem uma paleta de cores vibrantes e o melhor: trabalha apenas com ateliês de mulheres que se comprometem com condições de trabalho éticas e justas. Não dá só pra ser bonito, né?


miami-fufi empanadas

15h30

Empanadas argentinas

No Miami Design District, um lugarzinho que não chama muito a atenção e é delicioso é o Fufi. Vendem empanadas argentinas de verdade que podem vir nos sabores clássicos como carne e frango ou em alguns mais ousados e igualmente saborosos como tâmara, bacon e brie ou cogumelos com queijo de cabra.
4600 NE 2nd Ave
fufirestaurant.com


miami-vinyl-sweat-record-shop

16h30

Um paraíso escondido de vinis

Miami impressiona porque se você anda quatro quadras a paisagem pode mudar completamente. Na mesma avenida do luxuosíssimo Design District, com lojas como Dolce Gabanna, Tiffany & Co e Valentino, basta dirigir alguns quarteirões para chegar em Little Haiti. Casinhas residenciais, escolas, um mercado caribenho e botânicas – lojas de artigos voodoo, uma das religiões praticadas naquele país – são encontradas ali. A Sweat Records vale uma parada. É uma loja de discos de vinil conhecida por colecionadores do mundo todo já que conta com uma seleção tanto de artistas do mainstream como de músicos independentes. Em agosto passado, a dona da loja anunciou seu selo que vai lançar talentos ainda desconhecidos de músicos do sul do Flórida. Fique de olho.
5505 NE 2nd Ave
sweatrecordsmiami.com


Foto: Dan Holstein

17h

Um brinde ao melhor pôr do sol

Um pôr do sol maravilhoso e bebida barata? Esse lugar é o Wet Lab. Pode ser um pouco intimidador para chegar, mas vale a pena. Mesmo. O bar fica dentro do campus de ciências marinhas da Universidade de Miami. Todas as cervejas são artesanais, baratas e você não vai encontrar uma vista parecida na cidade. Dá pra descer as escadas do bar até a praia e ficar observando os golfinhos que costumam aparecer na baía no fim da tarde. Mas atenção: o lugar só abre de quarta à sexta, das 17h às 21h, na sexta se estendendo um pouquinho mais, até a meia noite. É quando tem aula.
4600 Rickenbacker Causeway
facebook.com/thewetlab


miami-mandolin-3

20h

Jantar mediterrâneo ao ar livre

Para fechar o dia e continuar no clima sol e verão, que tal um restaurante com comida de inspiração grega e turca para se sentir numa cidadezinha banhada pelo Mar Egeu? Com peixes frescos, polvo, lulas e um ambiente charmoso com cadeiras e mesas azuis e brancas ao ar livre, a sensação ao entrar no Mandolin, no bairro de Buena Vista, na fronteira com o Design District, é mesmo de estar no Mediterrâneo. Todos os mezzes são de comer ajoelhado e acompanham bem um vinho branco gelado.
4312 ne 2nd ave
mandolinmiami.com