Solar People

Amanda Coronha foi à Ilhabela para compor e ficou chocada com a beleza da região: “tem uma coisa forte ali”

Por
Adriana Setti
Em parceria com

A cantora carioca revela os seus restaurantes, praias e passeios favoritos na ilha mais paradisíaca do litoral norte de São Paulo.

Ao ver Amanda Coronha interpretar Wicked Game, de Chris Isaak, na audição às cegas do The Voice 2020, muita gente ficou com sensação de déjà vu. A começar pela cantora IZA, que acabou tietando a participante, declarando-se fã de seu trabalho na internet e da delicadeza com que ela expressa sua potência de voz. Revelada ao grande público pelo programa, a carioca de 26 anos tem a música como profissão desde 2015 e já fez feats com Atitude 67 e Gabriel O Pensador, ao lado de quem cantou no Lollapalooza 2019, em São Paulo. Seu grande palco, no entanto, sempre foi o Youtube. Ainda adolescente, virava noites gravando e regravando covers para publicar na plataforma. Até que sua interpretação de Mulher, do rapper Projota, viralizou. “A cada dia tinha mais views e não acreditava em como aquilo estava crescendo. Quando me dei conta, havia encontrado uma profissão que amava e que era natural pra mim”, diz Amanda, que tem 224 mil inscritos em seu canal. Deixando os covers pra trás, ela cresceu como compositora e mostrou a que veio com o lançamento de Apartamento 33 no ano passado. Produzido por Dudu Borges, o álbum se desdobrou em um filme cuja narrativa é construída por videoclipes intercalados por poemas de sua autoria. “Escrevi essas músicas em momentos diferentes e quando botei no papel tudo fez sentido”, diz. A segunda parte do projeto está prestes a sair do forno.

Créditos: divulgação

Fã de Joss Stone desde criancinha, ela cresceu ouvindo de Lauryn Hill a Gil Scott, passando por Erykah Badu, Maria Bethânia e Gal Costa. “É essa mistura meio doida de influências que me traz o R & B tropical com um pouco de rap no qual estou mirando”, diz Amanda, que também colheu referências em suas andanças pelo Brasil e no exterior. Por causa da carreira militar de seu pai, morou no Paraná, em São Paulo, em Brasília e em Nova Jersey, nos Estados Unidos, onde cursou os dois últimos anos do ensino médio. “Quando finalmente estava me adaptando a um novo lugar, já era hora de mudar de novo e era muito sofrido, ainda mais por ser filha única”, conta. “Mas isso me fez mais forte, resiliente e aberta ao mundo, além de ter ajudado a construir um traço da minha personalidade que é o de ser extrovertida, de me virar, de fazer amizade com todo mundo”, diz. 

Apaixonada por poesia, a autora da conta @devacneio, também escreve letras de músicas para outros artistas. Uma das mais famosas é a faixa Éramos Chuva, lançada por As Baías no EP Enquanto Estamos Distantes, que concorreu ao Grammy Latino 2020. Foi em uma imersão de composição, aliás, que ela conheceu a Ilhabela, no litoral norte de São Paulo. “Fui participar de uma espécie de mutirão de artistas para colaborar com uma amiga que ia gravar um disco e precisava de acervo”, conta a cantora. “A ilha tem uma vibe muito desconectada do resto do mundo. Foi um choque ver como tudo lá é calmo e lindo. Meus pais frequentavam quando eram mais jovens e sempre falavam muito bem. Agora entendi tudo: tem uma coisa forte ali”.

Aqui, Amanda revela seus achados em Ilhabela, pra você se inspirar agora e viajar quando for seguro:

 

As melhores praias de Ilhabela

“Fizemos um passeio até o Bonete, uma praia linda demais à qual há dois jeitos divertidos de chegar: por barco ou trilha”, diz Amanda, que também recomenda as praias do Pinto, da Pacuíba e da Armação pra quem curte caiaque e SUP.

Onde tomar um banho de cachoeira na Ilhabela

“As minhas favoritas são a Cachoeira de Paquetá e da Toca”, diz Amanda. “Mas tem que levar muito repelente. Esse é o único ponto negativo da Ilhabela: os mosquitos engolem a gente”, conta a cantora, referindo-se aos borrachudos, que são mais agressivos ao amanhecer e no fim da tarde, mas que adoram uma água doce a qualquer hora do dia.

Onde comer em Ilhabela

“Não como carne vermelha, nem frango, então estava no céu com aqueles frutos do mar, como lulinha empanada e isca de peixe”, conta a cantora. Um de seus lugares favoritos é o Viana (@vianailhabela), famoso por ter a melhor casquinha de siri da ilha. Ela também aprovou O Caminho da Pizza (@ocaminhodapizza). “Serve pizza na pedra, sem talher, com massa crocante. É legal pra ir com uma galera”. Fechando a lista, Amanda recomenda o Pescadora (@pescadoracozinhadomar), da chef Renata Vanzetto. Fica de frente para o mar, é bem intimista e à luz de velas.

Rolê pela Vila

Um dos centrinhos mais charmosos do litoral brasileiro, a Vila da Ilhabela é perfeita para um passeio sem mapa na mão. “É aquela cidadezinha onde você quer provar tudo: entrar nas lojinhas, passear pelas feiras de artesanato, tomar um picolé, sentar num botequinho e comer um pastel, um bolinho de bacalhau…”, diz Amanda.


Rota dos Paraísos

Descobrir os destinos mais solares do Brasil. Buscar inspiração e voltar a se conectar com a natureza. Aqui e na plataforma This Is Living, da cerveja Corona, você encontra dicas exclusivas de destinos, pessoas e tendências que não estão no guias de viagem. Tudo feito pelas duas marcas que mais entendem e gostam de verão no Brasil. Se for dirigir, não beba.