People

Traços de Brasilidade: Cris Dios e as sensações que curam

Por
Fernanda Nascimento
Em parceria com

A cosmetóloga e especialista na saúde dos cabelos e produtos naturais Cris Dios explica a importância de buscar ingredientes dos nossos biomas para rituais de cuidado e bem-estar.

Quais são as sensações que te fazem bem? Nos Hotéis Grand Mercure, quando mergulhamos em busca das brasilidades escondidas pelos quatro cantos do país, encontramos também as sensações que curam e fazem bem. E nos conectamos com quem procura em nossos biomas ingredientes para criar rituais de bem-estar. Dona dos salões Laces, a cosmetóloga e especialista na saúde dos cabelos e produtos naturais Cris Dios é a terceira geração de uma família que sempre usou a natureza para se inspirar. “Quando era pequena não entendia muito essa relação que a minha avó e minha mãe tinham com as plantas, com os ingredientes naturais, mas hoje vejo quão importante isso é para a nossa sobrevivência”, diz ela. “Estamos cada vez mais resgatando essa consciência da integração da natureza em nosso bem-estar, que antigamente era mais instintiva e presente”.

Cris Dios, dona do salão Laces

Ao desenvolver um produto para restaurar a saúde do cabelo ou da pele, por exemplo, Cris sempre se pergunta: o que já existe na natureza com essas propriedades? “Quero colocar a natureza em um potinho no banheiro das pessoas, para que elas possam sentir o aroma, o toque das folhas, e ter o ambiente que os óleos essenciais e vegetais podem criar”, explica.

“Os sentidos são a nossa conexão com a natureza”. Para a cosmetóloga, cada vez mais as pessoas estão entendendo a importância de buscar um outro olhar para seus rituais, para a saúde de seu corpo e a relação com o ambiente em que vivemos.

Cris Dios, do Laces

A busca de Cris para encontrar curas nos biomas brasileiros é uma longa jornada, já que ainda são escassos os estudos sobre as nossas matérias-primas e tudo o que elas podem oferecer. “A gente precisa se empoderar, ter autoestima para valorizar o que é nosso. Existe toda uma ancestralidade e muitos conhecimentos dos povos originários que fomos privados de contato”, diz ela, que está sempre olhando para a cultura brasileira. “Temos seis biomas e muita riqueza, mas ainda pouco explorada. Hoje faço um exercício de valorização dos ingredientes da nossa biodiversidade”. Entre as matérias-primas brasileiras que usa em seus produtos, há espécies nativas e outras que foram trazidas para cá há muito tempo, e se adaptaram muito bem. “Uso bastante as manteigas Murumuru, Babaçu, o açaí, óleos vegetais como de abacate ou castanha-do-Pará”, conta. “Sempre que posso busco ingredientes da nossa biodiversidade. É da nossa terra, faz parte do nosso DNA, tem muito mais poder”. Para quais lugares as sensações vão te levar?

Fotos: divulgação


Hotéis Grand Mercure

De metrópoles vibrantes como São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília ao clima tropical de Belém e Recife, viva a rica diversidade cultural do Brasil com o Grand Mercure.
abandono-pagina
No Thanks