diversão & arte

Desejo, fantasia e flerte em 4 perguntas para Letrux

Por The Summer Hunter Staff -

Lançado uma semana atrás, o clipe da música "Ninguém Perguntou por Você", da cantora e compositora Letícia Novaes, a Letrux, já acumula impressionantes 770.000 visualizações no Youtube. A faixa faz parte do delicioso disco "Noite de Climão", que saiu em julho de 2017 (leia aqui a entrevista que fizemos com Letrux na ocasião ou na primeira edição da nossa revista). Protagonizado pelas atrizes Bruna Linzmeyer e Camila Pitanga, o vídeo se passa numa festa em que música, flerte e fantasia se misturam. Um convite para o tesão, cujo ápice é a pegação – real ou imaginária – entre a Bruna e a Camila. E é exatamente isso que diz a letra de Letrux, transformada lindamente em imagens pela cabeça fervilhante do diretor e roteirista Pedro Henrique França: liberdade de pensamentos, de desejos, um não-julgamento sobre nossas vontades mais secretas. Quer algo mais atual?

Para o The Summer Hunter, pedimos que Camila Pitanga e o diretor e roteirista Pedro Henrique França fizessem, eles mesmos, uma entrevista com Letrux. Confira:

Pedro para Letrux

Essa música pra mim sempre sugeriu essa liberdade pra esse mergulho no abismo do amor que pode ser de apenas uma noite – em que de repente a gente projeta mil coisas a partir daquele flerte, de um beijo, de um gozo. Amor pra você é intenso nesse lugar?
Amor sempre é intenso, mesmo que eu invente. Não consigo nada meia boca, sou intensa até no flerte, invento mil mirabolâncias na cabeça e mesmo que não realize nada, é bom ter essas viagens, essa liberdade, me ajuda a sonhar, a seguir. A vida não é pra ser só realização também, o campo onírico da dúvida, de vai ser ou não, também é fértil e curioso.

Nosso clipe é um sonho-climão-tesão em que ficam abertas possibilidades de você estar sonhando aquilo e/ou ter vivido aquilo. Como foi pra você sonhar/viver esse sonho?
Sonho muito, e desde criança anoto meus sonhos, na época da análise era prato cheio. Foi lindo sonhar esse sonho, tão real, quente, próximo, alegre, tesudo, livre. Que a vida seja sempre esse sonho assim.

Bruna, Letícia, Pedro e Camila, durante a gravação do clipe "Ninguém Perguntou por Você", no Solar dos Abacaxis, no Rio

Camila para Letrux

Eu fiquei louca quando vi seu show, uma mulher tão intensa, visceral, que diz o que pensa ali no palco. A Letícia que a gente vê no palco tomada por essa energia surreal é a mesma da vida real?
Não sou a Letícia do palco na vida real, curioso. A Letrux é bem mais lânguida, lasciva que eu (risos). O palco é um espaço permissivo, né? Brinco bem nele, curto. Mas na minha vidinha sou mais quieta, caseira, acho que até pra equilibrar. Meu trabalho exige uma intensidade que eu nem sabia que dava pra ter... Então, no dia a dia, eu cozinho, leio, mergulho de maneira mais calma.

De onde veio a inspiração pra "Ninguém Perguntou por Você”? E como é pra você cantá-la nos shows, depois da repercussão que ela ganhou depois do clipe que participei ao lado da Bruna?
Eu fiz essa música andando na Avenida Paulista. Veio a primeira frase e eu tinha que pegar o metrô mas fiquei com medo da inspiração travar e continuei andando e me veio tudo, e cada gente que passava eu pensava "e se eu beijasse essa pessoa agora?" (risos). Eu criava uns mundos na minha cabeça, com todos que cruzavam meu caminho. Cantei duas vezes depois do lançamento do clipe e amo tanto a cena que vocês pulam, ficou tão alegre e tesuda e livre, que eu comecei a dar uns pulinhos também nessa hora. 💫

Ninguém perguntou por você, de Letrux
Fotos: Flora Negri