Inspiração

Um mergulho no universo profundo e feminino de Daniela Lima

Por - 3/07/2017

É difícil não ficar hipnotizado pelas profundezas dos desenhos de Daniela Lima. Seus traços intensos revelam rostos, olhares, e sensações que vêm de dentro, e inspiram liberdad. “Eu sempre fui muito imaginativa, e muito intensa também. Desenhar me ajuda a lidar com tudo isso que eu sinto, e principalmente, a colocar para fora um pouco do tanto que eu tenho aqui no meu peito. Com o tempo, a ilustração foi se tornando cada vez mais necessária para mim”, conta a ilustradora paulistana, que retrata o universo feminino com delicadeza, e uma sinceridade que é linda de sentir.

Vagalume

It’s Not Hard To Be Kind

Maybe She’s Just Different

E suas mulheres de olhar forte podem chegar a qualquer momento. “Geralmente tudo nasce de um sentimento, que pode surgir de qualquer pequena coisa do cotidiano. A partir desse momento vem a parte angustiante que é fazer esse part0 acontecer, a procrastinação, a rejeição… mas no fim, ele sempre nasce”, explica ela, sobre o seu processo criativo.

“Eu sinto que todas elas são um pouco de mim. E, às vezes, eu absorvo um pouco disso tudo também. Elas passam na rua, aparecem quando estou lendo um livro, moram nas estrelas… Eu vou sempre crescendo, mudando, e aprendendo junto com elas”.

Nothing is Perfect

Fall

Em uma de suas séries, Daniela mergulhou pelas histórias das constelações femininas, e deu vida à estas mulheres que conquistaram seu lugar brilhante na galáxia e no imaginário, como Astreia, musa da constelação de Virgem; Andrômeda, da constelação Andrômeda; Astreia, da constelação Orion; e Calisto, deusa da Ursa Maior. Atualmente, além de atuar como freelancer, ela está trabalhando em um novo projeto, ainda secreto, mas com certeza grandioso.

Segue ela aqui.

Astreia – Constelação de Virgem

Andrômeda – Constelação Andrômeda

Ártemis – Constelação de Órion

Calisto – Constelação Ursa Maior

 

Populares