Solar Vibes

Quando a cidade vira praia: a febre do beach tennis no Brasil

Por
Adriana Setti

De onde veio, o que explica o sucesso e por que você também vai se render ao esporte. Mais: endereços pelo Brasil para praticar.

Mistura de tênis e badminton — e com vibe de vôlei de praia — o beach tennis virou febre pra quem curte sol, suor e areia. O esporte combina tanto com o nosso lifestyle que poderia ter sido inventado aqui. Mas, na verdade, as primeiras raquetadas rolaram no fim dos anos 1960 na província de Ravena, no nordeste da Itália, e a modalidade só chegou ao Rio de Janeiro em 2008. Uma das pioneiras foi a carioca Joana Cortez, bicampeã pan-americana de tênis. Ela trocou as quadras pela praia em 2008 e foi a primeira não-italiana a ser a 1ª do ranking mundial. De lá pra cá, os “beach tenners” se multiplicaram vertiginosamente. Segundo a Federação Internacional de Tênis, o esporte é praticado por mais de 500 mil pessoas no mundo e o Brasil já é a segunda potência, atrás apenas da Itália. Aqui, a gente explica por que está fazendo tanto sucesso e onde você pode praticar.

Onde praticar beach tennis pelo Brasil:


São Paulo
Praia Brava Sand Club (@praiabravasandclub)
Calçadão Butantã (@calcadao_)
Posto 11 (@posto011)
Casa Flutuar (@casaflutuar)

Rio de Janeiro
BTS (@btsbeachtennis)
Metta (@mettabt)
Leo Pereira Beach Tennis (@leopereirabeachtennis1)

Belo Horizonte
Orla Beach (@orlabelvedere)
BLVS Arena (@beachsports_)

Curitiba
Vita Beach Sports (@vitabeachsports)

Brasília
Calango (@calangobeachtennis)
Brasília Beach (@brasiliabeach)

Salvador
Salvador Beach Tennis (@salvadorbeachtennis)

Florianópolis
Arena Beach (@arenabeachfloripa)
Mirinho (@mirinhobt)

Porto Alegre
Team Casa (@teamcasa.academia)
Point Sul (@point_sul)